Notícia

17/05/2017
8 alimentos que ajudam a controlar o ácido úrico

Muitos alimentos fazem mal para quem tem ácido úrico elevado, como frutos do mar, peixes gordos e embutidos; veja 8 itens que ajudam a eliminar o problema.

Algumas pessoas sofrem com o excesso de ácido úrico no organismo. Quando os níveis não estão equilibrados, seja por causa de algum problema de saúde ou por medicamentos, pode acontecer infarto, AVC, cálculo renal ou gota, que nada mais é do que o ácido acumulado nas articulações e calcificado no local. Essa calcificação causa dor e, em muitos casos, é necessário fazer cirurgia, já que os movimentos das articulações ficam restritos. Quem tem predisposição a ter ácido úrico alto precisa tomar cuidado com alguns alimentos e também inserir bons itens na dieta.

Segundo a nutricionista Karla Vilaça, da Nutrenza Assessoria Nutricional, embutidos, como salsicha e presunto, bebidas alcóolicas, caldo de carne, frutos do mar, alguns peixes gordos, como o bacalhau e o salmão, além de tomate, aspargos, cogumelos, ervilha e couve-flor devem ser evitados. Esses alimentos podem aumentar a retenção de ácidos no corpo.

Beber bastante água ajuda a eliminar o ácido úrico do organismo, segundo a nutricionista. “O que pode acontecer é o organismo produzir mais ácido úrico por causa de algum problema – que deve ser investigado por um médico –, mas também a pessoa estar eliminando menos pela urina, por não beber tanta água”, recomenda.

Além de se hidratar bem, aliar a alimentação na luta contra o excesso do ácido úrico é uma boa estratégia. Karla explica que alguns alimentos que são alcalinizantes e que ajudam no processo de eliminação desse ácido.

Alcachofra – Considerada uma das melhores verduras que age na eliminação de toxinas, as alcachofras são altamente diuréticas e evitam a retenção de líquido. Rica em minerais, vitaminas e antioxidantes, elas também possuem fibras, proteínas e ácidos graxos, que são utilizados como fontes de energia para o corpo. Para consumir, basta fervê-las e servi-las temperadas com azeite de oliva e vinagre de maçã. O caldo também é benéfico à saúde e pode ser tomado à vontade.

Cenoura – Mais uma verdura que não pode faltar na dieta de quem precisa mandar embora o ácido do organismo. As cenouras têm efeito alcalinizante, o que significa que ajuda a retirar purinas e cristais das articulações. Na hora de comer, ela é bem-vinda seja na refeição – crua ou cozida – ou até mesmo em sucos – combinando com outros ingredientes como beterraba ou laranja, por exemplo.

Laranja – A vitamina C, presente nessa fruta, também age na redução dos cristais no sangue. O suco de laranja natural ajuda a dissolver essas pedras e faz com que as articulações voltem ao normal.

Limão – Muito indicado no tratamento da desintoxicação do organismo, tomar um suco puro de limão, durante um período consecutivo, em jejum pode ajudar significativamente nos resultados. Mesmo sendo considerada uma fruta ácida, ao chegar ao estômago o limão se torna alcalina, ou seja, ajuda a combater a acidez sanguínea.

Café – Ainda existem alguns estudos que tentam associar qual substância é responsável por eliminar esse tipo de ácido no corpo. O que se sabe, é que quem toma café tem menor índice de ácido no corpo, mas ainda não se tem um resultado consistente sobre o que, de fato, causa esse efeito. Porém, pessoas que têm restrições ao consumo de café ou cafeína, devem continuar evitando a bebida.

Cebola – Assim como muitos dos alimentos já citados, a cebola também age como depuradoras no organismo. Elas diminuem a hiperuricemia e baixa os triglicerídeos. Para consumir, o ideal é fervê-la até que fique macia, separar a água que sobrar e despejar em um recipiente com suco de um limão e tomar duas xícaras desse líquido por dia.

Alho – Assim como a cebola, o alho tem poder de reduzir o colesterol, a pressão arterial e as taxas de ácido úrico. O indicado é amassar dois dentes de alho e colocar em um copo de água por cerca de 6 horas. Depois desse período, é só coar e tomar a mistura ao menos três vezes ao dia.

Sementes de abóbora – A abóbora é um dos vegetais mais diuréticos que existe e, por meio da produção de urina, ajuda a eliminar os níveis de ácido. Os modos de comer são variados – cozida ou assada são os mais indicados. Mas o mais importante é não descartar as sementes, que são ainda mais poderosas neste tratamento.

Fonte: http://saude.ig.com.br/alimentacao-bemestar/2015-09-08/alimentos-que-ajudam-a-controlar-o-acido-urico.html